Geral

7 passos para aumentar a qualidade da sua escola


Aumentar a qualidade da sua escola proporcionará benefícios para todos os envolvidos. Os alunos terão acesso à educação com qualidade, os professores serão constantemente desafiados, os funcionários farão parte de um projeto que poderá ser considerado como referência.

Enquanto que a escola, além de poder aumentar o seu número de alunos, terá uma reputação cada vez melhor no mercado. Mas, se aumentar a qualidade da escola fosse uma tarefa tão simples, teríamos um grande número de ótimas instituições no mercado. Conquistar o título de escola de qualidade requer alguns passos e eles estão listados neste conteúdo. Confira!

7 passos para aumentar a qualidade da sua escola

Você já deve ter se perguntado como aumentar a qualidade da sua escola diversas vezes, não é mesmo? Por maior que seja o nosso empenho em buscar soluções melhores todos os dias, algumas ações parecem não surtir efeito quando os processos e as tarefas se repetem dia a dia.

Fazer uma avaliação de eficiência produtiva na rotina é um dos passos que te ajudará a aumentar a qualidade da sua escola. A seguir, explicaremos melhor como isso pode ser feito e apresentaremos outras soluções. 

1. Ambiente agradável para todos

A escola é o local onde os alunos passam grande parte de seus dias. Em algumas fases, a criança chega a ficar o dia todo. O período integral é muito procurado por pais de alunos que ainda não têm autonomia e independência para ficarem em casa sozinhos ou com uma babá. 

No ensino médio, também é comum que os alunos passem mais tempo na escola por causa da preparação para o vestibular. Nesse caso em específico, o ambiente escolar pode ser estressante

A escola deve ser um local agradável, onde os alunos têm prazer em estar e sentem como se fosse a sua segunda casa. Quando os alunos menores estão bem adaptados e gostam de suas escolas, sentem saudade quando estão longe.

Com os alunos maiores, a reação é diferente, até porque há uma cobrança e exigência sobre a disciplina e sobre o desempenho escolar. Porém, quando o ambiente é hostil, com casos de discriminação e bullying, por exemplo, a tendência é que os adolescentes queiram se distanciar cada vez mais.

É papel da direção e do corpo pedagógico avaliar a realidade em que cada aluno está inserido. Analisando o comportamento, será possível identificar situações que estejam inibindo a interação, o convívio e o desenvolvimento de cada estudante. Caso qualquer anormalidade seja notada, a escola deve criar ações para reverter esse problema. 

2. Alinhamento da proposta pedagógica

A proposta pedagógica é a identidade da escola. É a formalização do compromisso dos professores, funcionários, diretoria, representantes de pais e alunos com o projeto educacional. 

A conduta da instituição tem que estar totalmente alinhada com a sua proposta pedagógica. Por isso, é fundamental, de tempos em tempos, fazer uma análise de como o ensino vem sendo conduzido e a escola se posicionando. 

3. Realize avaliações

Existem diversos tipos de avaliação e você deve aplicar aquelas que vão te ajudar a criar ações para aumentar a qualidade da sua escola. 

Os professores, por exemplo, devem passar por avaliações periódicas para que eles mesmos possam entender os resultados de seus trabalhos. Com essas informações, a escola poderá desenvolver programas de capacitação internos ou procurar por instituições especializadas. 

Os pais e alunos também devem fazer suas avaliações. A opinião deles é fundamental para o bom desenvolvimento da instituição. Deixe formulários na secretaria da escola ou envie, ao final de cada semestre, uma pesquisa completa para que eles possam responder anonimamente. 

4. Invista em infraestrutura

A infraestrutura da escola é o que dará suporte para que as aulas sejam realizadas e os professores obtenham o melhor dos alunos. A sala deve estar equipada com boas mesas e cadeiras, o ambiente deve ser claro e bem arejado. Os professores devem ter acesso a equipamentos multimídia, entre outros aparelhos para auxiliar nas aulas.

A escola deve ter laboratórios, sala de informática, biblioteca com livros e uma ampla área de convivência e lazer para os alunos. Além disso, a organização e a limpeza também devem ser impecáveis. 

5. Formação profissional

A formação profissional é um forte influenciador que pode ajudar a aumentar a qualidade da sua escola. Geralmente, as melhores instituições de ensino têm os melhores profissionais em seu corpo pedagógico. 

Entendemos como melhores profissionais aqueles que são considerados referência no mercado. São especialistas nas áreas em que atuam e têm formação específica em suas áreas, estão sempre se atualizando e acompanhando o mercado. 

6. Conduta dos funcionários

Os funcionários de outros departamentos como financeiro, secretaria, limpeza, manutenção etc., também refletem a imagem da escola. Eles prestam atendimento direto para os pais e alunos e a forma com a qual eles lidam com essas pessoas diz muito sobre a conduta da instituição. 

Os profissionais devem estar sempre bem arrumados, com uniformes e crachás de identificação. É uma forma de provar que eles trabalham na escola – isso dará segurança aos pais. É importante também que os pais e alunos conheçam todos os funcionários. 

A escola deve investir em treinamentos específicos para orientar os funcionários a lidarem e agirem com diversas situações. Ao presenciar uma briga entre alunos, por exemplo, o profissional deve estar preparado para lidar com aquele problema, caso não tenha ninguém para auxiliá-lo. 

7. Reprovação de alunos

A reprovação de alunos pode te impedir de aumentar a qualidade da sua escola, caso você não saiba como conduzir essa questão. Quando um aluno começa a ter baixo desempenho, a escola busca alternativas, muitas vezes, junto com os pais, para reverter o problema. 

O aluno que não apresenta melhora e acaba sendo reprovado, pode prejudicar a imagem da escola, pois ela não foi capaz de ajudá-lo. Porém, a instituição deve ver essa questão como um desafio que deve ser enfrentado em parceria com o aluno. 

A escola deve buscar entender quais foram as falhas cometidas no processo que causaram a reprovação do aluno. Em seguida, medidas devem ser tomadas a fim de evitar que outros alunos passem pelo mesmo problema.

Além disso, será fundamental fazer um trabalho de conscientização e aceitação com os pais. Em diversos casos, o aluno vai mal na escola porque enfrenta problemas em casa. Sem o envolvimento de todos, não será possível retomar o desenvolvimento do aluno. 

Aumentar a qualidade da sua escola será um desafio contínuo que você terá que enfrentar ano após ano. Não há fórmula mágica, apesar de termos apresentado essa lista com 7 passos. Você deverá testar, avaliar o que tem funcionado e adaptar algumas etapas para a realidade da sua instituição e dos seus alunos. 

Já conseguiu aumentar a qualidade da sua escola de outra forma? Conte para nós nos comentários e ajude outras instituições de ensino! 

Leitura recomendada: